Acesse a
extranet

Menu

Notícias

20 de março de 2018

Eunício participa do 8° Fórum Mundial da Água

Presidente do Congresso é um dos representantes brasileiros do Encontro

Nesta terça-feira (20), o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), defendeu o uso racional dos recursos hídricos do planeta na abertura da conferência parlamentar do 8° Fórum Mundial da Água, que acontece em Brasília entre os dias 18 e 23 de março de 2018. Estão inscritos na conferência cerca de 130 parlamentares de 20 países para discutir “O papel dos parlamentos e o direito à água”.

“É um grande estímulo receber milhares de pessoas interessadas nesse debate, vindas de mais de 150 países, para promover ricas discussões envolvendo o financiamento, a governança e a gestão de recursos hídricos. Como presidente do Congresso Nacional, um dos Poderes da República, afirmo que sentimo-nos honrados com a responsabilidade de sediar este Fórum, diante de sua dimensão e relevância”, afirmou Eunício.

O presidente do Senado disse ainda que a presença de um brasileiro no comando do Conselho Mundial da Água, o professor Benedito Braga, é motivo de orgulho e enfatizou o papel do país no debate sobre o melhor aproveitamento dos recursos hídricos.

“Nós, os representantes da sociedade no Senado Federal, estamos empenhados, garanto-lhes, em mobilizar os nossos melhores recursos para que possamos participar da maneira mais expressiva possível. Entendemos ser nosso dever trabalhar no sentido de que o Brasil exerça um papel proeminente na liderança de todo esse processo. Afinal, nosso território tem cerca de 12% de toda a água doce do planeta – e isso no coloca, automaticamente, no centro desses debates”, ressaltou.

Para Eunício Oliveira, os legisladores, precisam construir, ordenada e laboriosamente, um arcabouço jurídico sólido, moderno, socialmente justo e voltado para a segurança hídrica e energética.

"O Senado do Brasil já internalizou plenamente a ideia que nosso país tem o dever de contribuir com os esforços globais para a promoção da justiça social, a melhoria da qualidade de vida e para a criação de mecanismos de participação da sociedade”, destacou.

Estão em análise, no Senado, mais de 60 proposições que tratam sobre a água.

“O Senado Federal trabalha com o conceito geral de que a água é um bem precioso. Estamos debatendo alguns dos pontos mais sensíveis dessas questões como os papéis dos setores público e privado nos serviços de saneamento, além da partilha do uso consciente da água”, finalizou Eunício.

Participaram da abertura do encontro parlamentar, o governo do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB); o presidente da Comissão de Relações Exteriores (CRE) do Senado, Fernando Collor (PTC-AL); o presidente da Subcomissão do Fórum Social Mundial da Água, senador Jorge Viana (PT-AC); o presidente do Conselho Mundial da Água, Benedito Braga; o presidente do Sebado da República do Burundi, Ndikuriyo Reverien; a deputada francesa, Sophie Auconie; a deputada do Mercosul, Julia Argetina Perie; o deputado português, Pedro Soares; o integrante da Assembleia Nacional da Coreia, Joo Seug Yong; e o 1º vice-presidente da Câmara de Conselheiros do Marrocos, Abdessamad Kayouh.

8° Fórum Mundial da Água

É a primeira vez que um país do hemisfério sul sedia o Fórum Mundial da Água. Já ocorreram sete edições do evento em sete países de quatro continentes: África, América, Ásia e Europa.

O evento é organizado a cada três anos pelo Conselho Mundial da Água (WWC, sigla em inglês) juntamente com o país e cidade anfitriã. O tema central do encontro no Brasil é “Compartilhando água”.
Instagram